Foi só um dia ruim...

sexta-feira, 28 de março de 2008

Estresse no trabalho 'aumenta risco de doenças cardíacas'
23 de janeiro, 2008 - 08h28 GMT (06h28 Brasília)

Uma pesquisa realizada com servidores públicos em Londres e publicado na terça-feira, sugere que o estresse no trabalho pode aumentar o risco dos funcionários desenvolverem doenças cardíacas.

Segundo o estudo, empregados com idade abaixo de 50 anos que sofrem de estresse crônico têm 68% mais chance de desenvolver doenças cardíacas do que aqueles que trabalham em um ambiente livre de pressões.

"Entre os empregados com idade para se aposentar e que são menos expostos à trabalhos estressantes, as chances de desenvolver problemas no coração eram menores", disse Tarani Chandola, principal autor do estudo.

Além disso, a pesquisa indica ainda que 32% do impacto do estresse se deve à má alimentação e falta de exercícios entre os empregados estressados, fatores que contribuem para o desenvolvimento de doenças cardíacas.

O estudo, publicado na revista científica European Heart Journal, observou mais de 10 mil funcionários que trabalham para o governo britânico em vários cargos, durante 12 anos.

Segundo os pesquisadores, o status do funcionário dentro do organograma das instituições não parece influenciar o nível de estresse.

Qualidade de vida

Os pesquisadores analisaram a impressão dos empregados sobre o trabalho, e monitoraram a variação no batimento cardíaco, pressão sangüínea e o nível de cortisol - o hormônio do estresse - no sangue.

O estudo também analisou fatores como dieta, exercícios, fumo e bebida entre os participantes.

Segundo os autores, o estilo de vida foi identificado como um fator essencial para o desenvolvimento de doenças cardíacas entre os funcionários.

Para completar os dados da pesquisa, os cientistas coletaram informações sobre o número de empregados que apresentam doenças cardíacas, quantos haviam sofrido ataque cardíaco e o número de mortes provocadas por problemas no coração.

Mecanismos do estresse

Além de identificar o impacto do estresse no risco de contrair doenças cardíacas, os pesquisadores também analisaram os mecanismos biológicos que relacionam o estresse com as doenças.

Segundo os autores, o estresse atrapalha o funcionamento da parte do sistema nervoso responsável por controlar a variação dos batimentos e as funções do coração.

Os empregados que sofrem de estresse crônico apresentaram problemas nos impulsos que regulam os batimentos cardíacos.

Os pesquisadores identificaram ainda que o estresse causa distúrbios em uma grande parte do sistema neuroindócrino - responsável pela liberação de hormônios.

De acordo com autores, essa relação foi observada pois funcionários ansiosos apresentavam nível mais alto de cortisol na parte da manhã.

Corpo em forma

Segundo June Davison, porta-voz da British Heart Foundation, aifirmou que a pesquisa contribuiu para a compreensão sobre como o estresse no trabalho altera a química do corpo.

"O estudo reforça outras pesquisas que afirmam que o estresse no trabalho está associado a comportamentos pouco saudáveis como fumar, falta de exercício e má alimentação - fatores que causam impacto na saúde cardíaca", disse Davison.

"Podemos aprender a lidar com situações de estresse de várias formas", afirmou. "Manter-se em forma e ativo ajuda a aliviar o estresse e, portanto, reduz o risco de doenças cardíacas", conclui.


* * * * * * *

Gente, realmente, às vezes é difícil não ficar estressado(a), principalmente, com computadores velhos, redes lentas e internet que não funciona!!! Esse vídeo confirma as estatísticas ai acima, mas a música pelo menos relaxa quem tá assistindo!!!



Quando o amor acaba....

quinta-feira, 27 de março de 2008

Situação financeira 'impede divórcio para 59% das britânicas'
18 de janeiro, 2008 - 10h37 GMT (08h37 Brasília)

Uma pesquisa realizada com casais na Grã-Bretanha e divulgada na quarta-feira indica que 59% das mulheres casadas se divorciariam de seus maridos imediatamente se tivessem garantia de segurança econômica.

A sondagem, que entrevistou 2 mil homens e mulheres casados, aponta ainda que mais da metade afirmou que sentiria falta da segurança financeira proporcionada pelo cônjuge caso se divorciasse.

Entre os entrevistados, 42% têm receio de ter que abrir mão da casa no divórcio. Além disso, cerca de um terço tem medo de sair "sem nada" da separação.

Os dados são resultado de uma pesquisa encomendada pela firma de advocacia britânica Seddons, depois de uma onda de divórcios na Grã-Bretanha no início deste ano.

Amor

O levantamento aponta que 12% dos entrevistados permaneceriam em uma relação infeliz apenas para ter uma vida mais tranqüila.

No entanto, poucos não se divorciam porque amam os parceiros. Mais de um em cada dez entrevistados gostaria de ter casado com outra pessoa e mais da metade dos maridos afirma que seu casamento é "sem amor".

Do total de entrevistados, 56% não estão totalmente felizes com o casamento e mais da metade afirmou que já pensou no divórcio.

A pesquisa indica ainda que 12% disseram estar em uma relação sem amor e 35% afirmam que seus casamentos se tornarão banais em um futuro próximo.

No entanto, 30% dos entrevistados disseram que permanecem em um casamento falido porque não querem passar pela reviravolta do divórcio.

Filhos

A preocupação com as crianças e a unidade familiar também pesa na hora de optar pelo divórcio, sugere a pesquisa.

Entre os entrevistados, 30% dos homens casados afirmaram que têm medo de ter que deixar os filhos na separação e 37% do total afirmaram que permanecem com o cônjuge por causa dos filhos.

Mais da metade ficaria com os parceiros para garantir a unidade familiar.

Um porta-voz da ONG Relate, que trabalha no aconselhamento de casais, afirmou que é fácil para os casais permanecerem acomodados na rotina da relação.

"As relações mudam com o tempo, inevitavelmente", disse. "Os casais que reconhecem e conversam sobre seus problemas têm mais chances de sobreviver."

Na pesquisa, 50% disseram que considerariam buscar a ajuda de um conselheiro para tentar salvar o relacionamento antes do divórcio. No entanto, um em cada cinco disse que o esforço não valeria a pena.

"O divórcio causa um impacto em todas as áreas da vida de uma pessoa", disse o porta-voz. "Dividir a casa, os animais de estimação e todas as propriedades é apenas uma parte do processo."


* * * * * * *

Bom gente, o que posso dizer é que nunca casei, mas já acompanhei alguns divórcios de amigos e, realmente, as pessoas vão ao fundo do poço e o medo que fica nelas é tão grande que dificulta a aproximação de qualquer pessoa no futuro!!! Marcas profundas... é isso que deixa o divórcio de lembrança!!! E, esse é um problema tão sério que já existem serviços especializados na internet para fazer, inclusive, o pedido de separação para você!!! Não acredita!!! Então veja o vídeo!!!



O Rei do Martelo!!!

terça-feira, 25 de março de 2008

Hoje tem descontração (de novo kakaka)!!! Desculpa pessoal, mas tive que resolver uns probleminhas e o tempo ficou um pouco curto!!! Mas ainda bem que conto a colaboração, do meu amigo e estatístico Sérgio e seus e-mails que só estou lendo agora!!! (hehehe) Esse ele me passou em 09/12/2007.

Esse vídeo terá significado especial para os que gostam de estudar a teoria das probabilidades!!!




Agora, se você achou que esse cara é bom com o martelo, então precisa conhecer Saimir Strati esse, realmente, é um artista!!!

2008 o Ano do Planeta - Dia Mundial da Água

sábado, 22 de março de 2008

Participe!






“Somente quando for cortada a última árvore, pescado o último peixe, poluído o último rio, é que as pessoas vão perceber que não podem comer dinheiro". Desconheço o autor da frase, mas adorei achar essa arte na minha agenda! [Arte de Caco – AgendArte 2008]

* * * * * * *
Mapa mostra Brasil 'cercado' por água 80 milhões de anos atrás
07 de março, 2008 - 19h21 GMT (16h21 Brasília)

O mapa mostra maior volume de água. As porções azuis escuras indicam os locais que eram cobertos pelas águas no período Cretáceo.


Pesquisadores da Universidade de Sydney, na Austrália, desenvolveram um mapa que reproduz como eram as bacias oceânicas do mundo há 80 milhões de anos. No desenho, o Brasil aparece praticamente "cercado" por água.

Em um estudo publicado na edição desta sexta-feira da revista científica Science, os pesquisadores afirmam que o nível do mar era 170 metros mais alto do que o atual.

Para reproduzir as bacias oceânicas do período Cretáceo, os cientistas utilizaram dados geofísicos sobre as mudanças ocorridas com a produção da crosta oceânica, a acumulação de sedimentos e as fronteiras da placa tectônica.

O mapa apresenta uma combinação das mudanças do volume das bacias oceânicas ao longo de milhões de anos e do volume de água que seria produzido caso as camadas atuais de gelo do planeta fossem derretidas.


Clima quente

De acordo com os pesquisadores, o volume de água das bacias oceânicas do Cretáceo era maior do que o registrado atualmente devido ao clima quente na época, que derreteu todas as camadas de gelo da Terra.

O cientista Dietmar Müller, que liderou a pesquisa, diz que o estudo pode ajudar os pesquisadores a "entender melhor como a Terra poderá mudar no futuro".

O estudo prevê ainda que o nível do mar será reduzido em 120 metros nos próximos 80 milhões de anos.

Segundo os cientistas, o aumento do nível do mar, atribuído ao aquecimento global e ao derretimento das camadas de gelo observado atualmente, é apenas uma "breve interrupção na tendência geológica".


Mapa mostra impacto de ação humana sobre oceanos
15 de fevereiro, 2008 - 12h34 GMT (10h34 Brasília)



Brasil

Segundo os cientistas, a influência dos humanos varia de forma significativa de acordo com cada ecossistema. Nas áreas mais afetadas, por exemplo, há grande concentração de recifes de coral, algas marinhas, mangues e montanhas marinhas.

Já os ecossistemas menos afetados são áreas de oceanos abertos e onde o fundo do mar é mais liso.

O mapa revela que em grande porção da costa brasileira, o impacto dos humanos é “médio alto”, o que indicaria uma influência de 4,95 até 8,47%.

No entanto, enquanto algumas áreas na costa sul do Brasil o impacto aparece mais ameno, uma grande faixa da costa sudeste do país revela um impacto alto, maior que 15,52%.



* * * * * * *

O fato é que vamos fazer jus ao nome Planeta Terra!!! A Água vai acabar e muitas pessoas não vão nem saber o que é saneamento básico!!! Hoje estou participando que de uma campanha que envolve Saneamento, Higiene e Dia Mundial da Água, promovida pelos Amigos da Blogosfera. (beijos para Carlos e Luma) Aproveito para divulgar que existe um calendário verde e que pretendemos seguir, se você deseja participar dessa luta também, não deixe de visitar: Amigos da Blogosfera.



Bom, todo mundo já está cansado de saber que a água está acabando, os mapas e informações do artigo mostram isso!!! Vou reforçar, então, com umas dicas para economizar a água!!! Por favor, ensinem as crianças para que elas sejam adultos diferentes de você, de mim ou do vizinho que usa a mangueira para lavar o carro e da esposa dele que usa a mesma mangueira para tirar a sujeira da calçada [como essa cena me irrita]. Gostaria de adiantar que sem água não temos energia elétrica e/ou outras formas de energia serão para poucos, então comecem já o estoque de velas, aproveitem e rezem um pouquinho também para ver se o mundo sofre uma “auto cura” enquanto as pessoas não fazem nada!!!




Vamos as dicas:

* Lavando as mãos, escovando os dentes e fazendo a barba. Não deixar correr inutilmente a água usando-a só quando seja necessária.
* Uso do vaso sanitário. Dar a descarga somente quando for indispensável.
* O banho e a lavagem do cabelo. Fechar a torneira quando estiver se ensaboando.
* Limpeza dos utensílios da cozinha. Ensaboar tudo primeiro e logo enxaguar. Não deixar correr a água sem necessidade.
* Lavagem da roupa. Usar a máquina de lavar com capacidade máxima de cada vez, o que economiza água e energia. Quando a roupa for lavada à mão, molhar, esfregar ligeiramente e logo enxaguar. Não deixar correr desnecessariamente a água.
* Preparação de alimentos. Usar somente a água necessária. Não desperdiçar os molhos.
* Limpeza da casa. Usar um balde de água para medir e controlar a quantidade de água para a lavagem do piso ou outros lugares. Não utilizar mangueiras porque se gasta a água desnecessariamente.
* Rega do jardim. Buscar não usar água potável, mas reusar a água que se tenha usado para outros fins. É melhor regar ao entardecer e usar somente a água necessária, assim a terra absorverá a água e não haverá muita evaporação. Redesenhar os jardins com plantas que requeiram pouca água.
* Lavagem de automóveis. Eliminar o costume de empregar mangueiras, preferindo usar um pano úmido e uma quantidade controlada de água em um balde. Estas medidas simples podem economizar muitos litros de água e também boa quantidade de dinheiro.



Ah... e esqueci de te lembrar uma coisa importante!!! 70% do seu corpo é feito de água!!! É... aumente o número de velas e orações!!!



No Alô Escola, você encontra um texto lindíssimo e super explicativo sobre a água, Água na Boca, se você tem filhos vale a pena passar essa leitura!!!




Bom todo mundo sabe que falo de Curitiba/PR que faz parte da região sul do Brasil, a qual todos acham que não enfrentam problemas e, até onde, a própria população acha tudo maravilhoso!!! Mas vejam o vídeo!!! Vocês vão quer que aqui não é diferente do restante do país!!!








Brincando com o número do telefone!!!

sexta-feira, 21 de março de 2008

Hoje tem descontração!!! Com a colaboração, é claro, do meu amigo e estatístico Sérgio que me passou esse conteúdo por e-mail em 15/11/2005 [kakakaka amigo como disse eu vou ler todos].

Então vamos lá!!! Pegue uma calculadora, porque não quero maltratar seus neurônios!!!

1 - Digite os 4 primeiros algarismos de seu telefone (fixo ou celular, desde que tenha 8 dígitos);
2 - Multiplique por 80;
3 - Some 1;
4 - Multiplique por 250;
5 - Some com os 4 últimos algarismos do mesmo telefone;
6 - Some com os 4 últimos algarismos do mesmo telefone de novo;
7 - Diminua 250;
8 - Divida por 2...

Reconhece o resultado???
Não?!? Ok, vamos fazer um exemplo!!!

Fone: 3322-6905
Seguindo os passos:
1 - 3322
2 - 3322 * 80
3 - 265760 + 1
4 - 265761 * 250
5 - 66440250 + 6905
6 - 66447155 + 6905
7 - 66454060 - 250
8 - 66453810 / 2
Igual????

Gostou??? Então indique para seus amigos!!!

Evite o pó branco!!!

terça-feira, 18 de março de 2008

Sal estimula obesidade em crianças, diz pesquisa
21 de fevereiro, 2008 - 11h00 GMT (09h00 Brasília)

Dietas ricas em sal podem ser a chave para explicar a obesidade em algumas crianças, segundo uma pesquisa da Universidade de Londres divulgada na revista especializada Hypertension.

Em um estudo com dados de 1.600 crianças, os pesquisadores concluíram que aquelas que têm uma dieta alta em sal têm tendência a beber mais líquido, inclusive refrigerantes e refrescos adoçados com açúcar.

Segundo os cientistas, ao cortar pela metade o consumo diário médio de sal de 6 gramas por dia, as crianças estariam cortando 250 calorias de sua dieta semanal.

Os pesquisadores pediram à indústria que reduza a quantidade de sal dos alimentos.

Uma em cada cinco crianças na Grã-Bretanha está acima do peso e teme-se que isso contribua para o aumento da tendência de obesidade, doenças cardíacas e derrames na fase adulta.

Consumir produtos ricos em sal tende a provocar sede nas pessoas e estudos anteriores já demonstraram que, em adultos, uma dieta rica em sal aumenta o consumo de refrigerantes e refrescos adoçados.

Este é o primeiro estudo a identificar o mesmo efeito em crianças.

Primeiro entre as crianças

A equipe do hospital universitário St George’s avaliou dados da Pesquisa Nacional de Dieta e Nutrição conduzida em 1997 e usou uma amostra de 1.600 crianças, entre quatro e 18 anos de idade, que tiveram o consumo diário de sal e líquidos medidos com precisão.

A equipe concluiu que as crianças que comiam menos sal bebiam menos líquidos, e estimou que o corte de um grama de sal da dieta diária equivale à redução de 100 gramas no consumo diário de líquidos.

Aproximadamente um quarto dessas 100 gramas corresponderia à bebidas adoçadas, segundo previsão dos cientistas.

Os pesquisadores estimam que se as crianças cortarem o consumo diário de sal pela metade – uma redução média de três gramas por dia – haveria uma redução de cerca de dois copos de bebida adoçada por semana, por criança.

Isso, por sua vez, diminuiria o consumo semanal de calorias em quase 250 calorias.

Os pesquisadores aconselham os pais a checar a quantidade de sal na embalagem de alimentos infantis para encontrar formas de reduzir este consumo.

Segundo a equipe, reduções de 10% a 20% da quantidade de sal são imperceptíveis pelos receptores gustativos humanos.

Graham McGregor, um dos autores do estudo e presidente da Ação de Consenso sobre Sal e Saúde, disse que enquanto alguns fabricantes já agiram para reduzir os níveis de sal em pães e cereais – as principais fontes de sal para crianças – ainda há muito a ser feito pela indústria.

Segundo o médico, muitos dos alimentos processados destinados às crianças são salgados em nome do sabor.

“O nível de sal desses produtos chega a quase o mesmo nível que a água do mar.”

Pedido de rótulo

Myron Weinberger, do Centro Médico da Universidade de Indiana disse que a redução do consumo de sal e bebidas açucaradas entre as crianças, combinados ao aumento das atividades físicas, poderiam ajudar a diminuir “a calamidade da doença cardiovascular” na sociedade ocidental.

Um porta-voz da British Heart Foundation disse que a melhor rotulagem de alimentos ajudaria os pais a escolher alimentos mais saudáveis para suas famílias.

“Quando as crianças consomem alimentos salgados regularmente com bebidas adoçadas e calóricas, isso pode representar problemas duplos para o futuro da saúde de seus corações.”

“Esse relatório é mais uma prova de que as crianças têm que receber apoio para fazer escolhas saudáveis em termos de alimentos e evitar serem obesas ou aumentar sua pressão sangüínea.”


* * * * * * *

Dia 14/10/2007 li no jornal Gazeta do Povo, uma entrevista com o Dr. Moysés Paciornik na página 18, o tema era “Como envelhecer sem ficar velho”, ele diz uma frase que não me sai da cabeça a cada refeição, principalmente, porque não gosto de engordar!!! Tenham certeza, se eu estou acima do peso é contra minha vontade, juro!!! Bom, a frase que ele diz é: “Devemos evitar os três pós brancos: o açúcar, a farinha e o sal”!!!

Por que devemos evitar??? Segundo ele se retirarmos da alimentação o excesso de açúcar e farinha, evitamos a diabetes; e, evitando o sal, ficamos menos propensos a sermos hipertensos!!!

Então fica essa dica: evitar os pós brancos, inclusive cocaína (antes que apareça um engraçadinho dizendo isso)!!! O Dr. Moysés Paciornik é médico ginecologista e obstetra, tem 93 anos e, apesar de não participar mais partos nem cirurgias, ainda, faz atendimentos clínicos, aqui em Curitiba/PR, para mulheres que desejam realizar parto de cócoras!!!

O que é que eu vim fazer aqui mesmo?

segunda-feira, 17 de março de 2008

Cochilo de seis minutos pode melhorar memória, diz estudo
21 de fevereiro, 2008 - 17h43 GMT (14h43 Brasília)


Uma pesquisa da Universidade de Dusseldorf, na Alemanha, sugere que cochilos rápidos podem melhorar o desempenho em testes de memória. De acordo com o estudo, publicado na revista New Scientist, voluntários que tiveram seis minutos de sono conseguiram se lembrar melhor das palavras.

Os cientistas avaliam que o sono "ultra-curto" pode iniciar o processamento da memória no cérebro.

A equipe liderada pelo cientista Olaf Lahl afirma que é possível que o momento em que as pessoas pegam no sono seja capaz de desencadear um processo no cérebro que é mantido, independente do tempo em que a pessoa fica acordada.

"Isso demonstra pela primeira vez que um episódio de sono ultra-curto fornece uma melhora efetiva na memória", escreveu Lahl na New Scientist.

Sono profundo

A equipe de cientistas da Universidade de Dusseldorf convocou um grupo de estudantes e pediu que eles memorizassem uma série de palavras.

Depois, os voluntários tiveram um intervalo de uma hora antes de um teste, em que teriam que lembrar as palavras.

Durante o intervalo de uma hora, alguns dos estudantes tiveram permissão para dormir durante aproximadamente seis minutos. Os restantes tiveram que permanecer acordados.

Ao acordar, os estudantes que tiraram o cochilo tiveram um desempenho melhor no teste.

Cautela

Dezenas de outros estudos analisaram a relação entre sono e memória e apresentaram indícios de que o ciclo natural de sono e vigília tem um papel importante nesses processos.

Teorias sugerem que o processamento de memórias ocorre durante o sono profundo, uma fase que normalmente não começa até que a pessoa tenha completado 20 minutos de sono.

O professor Jim Horne, do Centro de Pesquisa do Sono da Universidade Loughborough, na Grã-Bretanha, diz que a pesquisa alemã é "interessante", mas é preciso cautela.

"A idéia de que a memória pode melhorar em apenas seis minutos é uma descoberta notável e é preciso ter cautela em relação a esta descoberta", afirmou Horne.

"Existem muitas provas de que o processamento de memórias provavelmente ocorre com mais de seis minutos de sono", acrescenta o pesquisador.



* * * * * * *

Como disseram os pesquisadores, ainda é necessário cautela, mas se você é estudante porque não testar??? Pegue aquela matéria que esta te matando estude por uns 45 minutos e durma 6 minutos e vai repetindo o processo!!! Vai que ajuda mesmo!!!

Agora se você, como eu, tem problemas para dormir, saiba que tem um pessoal na Itália que está estudando sobre o assunto. Eles não permitem que eu coloque o vídeo aqui, mas se você clicar aqui, pode assistir, está em português de portugal.

2008 o Ano do Planeta!!! Aliás... 2008 Ano Internacional do Planeta Terra!!!

quinta-feira, 13 de março de 2008

Amazônia pode 'morrer' em 50 anos, diz estudo
05 de fevereiro, 2008 - 14h35 GMT (12h35 Brasília)

A floresta amazônica poderia “morrer” em 50 anos por causa de mudanças climáticas provocadas pelo homem, sugere um estudo internacional publicado na revista especializada Proceedings of the National Academy of Sciences.

Segundo o estudo, muitos dos sistemas climáticos do mundo poderão passar por uma série de mudanças repentinas neste século, por causa de ações provocadas pela atividade humana.

Os pesquisadores argumentam que a sociedade não se deve deixar enganar por uma falsa sensação de segurança dada pela idéia de que as mudanças climáticas serão um processo lento e gradual.

“Nossas conclusões sugerem que uma variedade de elementos prestes a ‘virar’ poderiam chegar ao seu ponto crítico ainda neste século, por causa das mudanças climáticas induzidas pelo homem”, disse o professor Tim Lenton, da Universidade de East Anglia, na Inglaterra, que liderou o estudo de mais de 50 cientistas.

Segundo os cientistas, alterações mínimas de temperatura já seriam suficientes para levar a mudanças dramáticas e até causar o colapso repentino de um sistema ecológico.

O estudo diz que os sistemas mais ameaçados seriam a camada de gelo do mar Ártico e da Groelândia, em um ranking preparado pelos cientistas, que inclui os nove sistemas mais ameaçados pelo aquecimento global.

A floresta amazônica ocupa a oitava e penúltima colocação no ranking.

Chuva

Segundo o estudo, boa parte da chuva que cai sobre a bacia amazônica é reciclada e, portanto, simulações de desmatamento na região sugerem uma diminuição de 20% a 30% das chuvas, o aumento da estação seca e também o aumento das temperaturas durante o verão.

Combinados, esses elementos tornariam mais difícil o restabelecimento da floresta.

A morte gradual das árvores da floresta amazônica já foi prevista caso as temperaturas subam entre 3ºC e 4ºC, por conta das secas que este aumento causaria.

A frequência de queimadas e a fragmentação da floresta, causada por atividade humana, também poderiam contribuir para este desequilíbrio.

Segundo o estudo, só as mudanças na exploração da terra já poderiam, potencialmente, levar a floresta amazônica a um ponto crítico.

A maioria dos cientistas que estudam mudanças climáticas acredita que o aquecimento global provocado pelas atividades humanas já começou a afetar alguns aspectos de nosso clima.

* * * * * * *


Não é de hoje que eu falo, por aqui, que 2008 é o Ano do Planeta!!! Mas, infelizmente, eu estou vendo pouca gente falar sobre isso!!! É fácil pensar não é problema meu!!! Não tenho filhos, não vou viver mais 50 anos!!! Tá... eu sobrevivo sem fazer nada, aliás sobrevivo ajudando a destruir mais, simplesmente, porque não vou usar!!! E os meus sobrinhos??? E os filhos dos meus sobrinhos??? Vocês conseguiriam ser tão egoístas, ao ponto, de privar as pessoas que vocês amam de terem um planeta parecido com o que nós tivemos???

Infelizmente, eu não consigo ser assim!!!

O vídeo, abaixo, mostra parte da cerimônia de inauguração do Ano Internacional do Planeta Terra que ocorreu em Morelia Michoacán, México, em 12/02/2008 (já faz 1 mês!). Parece piada... somos "donos" da Amazônia, mas o Comitê Oficial do Ano Internacional do Planeta fica no México!!! Parece que o Brasil está esperando os EUA virem tomar posse...




Os próximos dois vídeos que selecionei, gostaria que guardassem, pois se ninguém fizer nada, ou melhor, se continuarmos sentados aguardando pelo "milagre da auto-cura do planeta", os vídeos/fotos serão as únicas imagens que teremos para provar que algumas belezas existiram!!!!

Assista com atenção e não chore se já perceber que muita coisa (imagem) apresentada já não existe!!! Espero que reflitam e comecem a agir!!!








[Divulgação] 18º SINAPE

quarta-feira, 12 de março de 2008




18º SINAPE - Simpósio Nacional de Probabilidade e Estatística



28 de julho a 01 de agosto 2008
Hotel Fazenda Fonte Colina Verde
Estância de São Pedro - SP


O SINAPE é a principal reunião científica da comunidade estatística brasileira, sendo organizado pela Associação Brasileira de Estatística (ABE).

Seu programa envolve um leque bastante amplo de atividades científicas incluindo minicursos, conferências, sessões temáticas, sessões tutoriais, mesas redondas, apresentação de comunicações, bem como concursos de melhores trabalhos de iniciação científica e de mestrado.

Congrega em torno de 700 participantes ao longo de 5 dias de intensas atividades.



Datas Importantes
11/fev Início das inscrições on line e submissão de trabalhos
30/abr Término do período de submissão de trabalhos e inscrição para os concursos de iniciação científica e dissertação de mestrado
30/abr Limite para pagamento de inscrição com maior desconto
30/abr Limite para pagamento de inscrição com garantia de recebimento de material
01/jun Divulgação dos trabalhos aceitos
16/jun Limite para pagamento de inscrição com desconto
16/jun Limite para inscrição com solicitação de auxílio financeiro
20/jul Prazo máximo para inscrição on line
27/jul Reabertura das inscrições no local do evento



Faça sua inscrição clicando AQUI.








Observação: Este post não é patrocinadado.

Crianças morrendo por desnutrição... até quando???

terça-feira, 11 de março de 2008

Desnutrição mata 3,5 milhões de crianças por ano, diz estudo
17 de janeiro, 2008 - 16h33 GMT (14h33 Brasília)


Mais de um terço das mortes de crianças e 11% das doenças que afetam mães e seus filhos ocorrem por desnutrição, apontou uma série de estudos compilada por especialistas internacionais e publicada na última edição da revista médica Lancet.

A pesquisa indica que 3,5 milhões de crianças morrem todos os anos por falta de comida ou por causa de uma alimentação precária, deficiente em vitaminas e minerais essenciais para o crescimento. Um problema que, segundo o estudo, “começa dentro do útero”.

O relatório afirma que crianças que não têm alimentação adequada podem ter o crescimento atrofiado e mau desempenho escolar, o que reduziria a sua capacidade de conseguir trabalho, aprofundando ainda mais o ciclo de pobreza.

Os especialistas alertam que o período que vai da gravidez até os dois anos de idade é “crucial para evitar os efeitos irreversíveis da desnutrição”.

Amamentação

“A desnutrição em gestantes ou nos primeiros estágios da vida da criança pode causar um dano irreversível, mesmo se a alimentação melhorar ao longo da infância”, disse Caroline Fall, da Universidade de Southampton, na Grã-Bretanha, e uma das pesquisadoras envolvidas no estudo.

O trabalho também sugere que se as mães amamentarem pelo menos até os seis meses de vida do bebê e consumirem alimentos ricos em zinco e vitamina A, o número de óbitos infantis poderia ser reduzido em até 25%.

O pesquisador Zulfiqar Bhutta, do Departamento de Pediatria e Saúde Infantil da Universidade Aga Khan, no Paquistão, estima que 1,4 milhão de crianças morram por falta de amamentação.

Brasil

A série de estudos divulgada na Lancet ainda mostrou que 80% das grávidas e crianças malnutridas estão concentradas em 20 países da África e da Ásia.

Sem oferecer dados exatos sobre a América Latina e o Caribe, o relatório aponta que os índices de crianças abaixo do peso e com crescimento atrofiado “caiu consideravelmente” na região entre 1980 e 2005.

Sobre o Brasil, a pesquisa comenta que “houve avanços substanciais nos atendimentos básicos de saúde, água e saneamento básico, além de melhorias na educação das mulheres”.

“Esses avanços parecem ter ocorrido, apesar de momentos de estagnação econômica e perdas no poder de compra da população, principalmente entre os pobres.”

O trabalho acrescenta que “pôr um fim na fome e na desnutrição está entre as prioridades de políticas implementadas no Brasil, Bolívia e Peru".




* * * * * * *


Bom, não é a primeira vez que falo da desnutrição de crianças por aqui! O mais triste é ver que estamos no século XXI e ainda tem gente passando fome no mundo! Isso é muito triste! E a genética feminina ainda favorece esse problema!!! Queria colocar um texto explicativo aqui, mas ele tem direitos reservados, só que é um trecho bem interessante, vale a pena ler. Dessa forma, se estiver disposto clique aqui e coloque no localizar nessa página o trecho: “A anemia por deficiência de ferro”. (desculpem esse incomodo). Além disso, falta planejamento familiar, e gravidez indesejada acaba sendo a conseqüência.


Mas podemos diminuir esses números e orientar as pessoas que convivem conosco, através da alimentação, o zinco é encontrado no fígado, ostras, carne de vaca, mariscos, porco, ave, cordeiro, leite, pão, gema de ovo e cereais integrais e germe de trigo. Já a vitamina A é encontrada em alimentos de origem animal, como: leite, ovos, fígado, bem como em vegetais folhosos verde-escuros e frutas amarelo-laranja.

Também achei um artigo muito interessante sobre a doação de alimentos, por Raimundo Aquino, “Doação pode diminuir desperdício de alimentos no Brasil”, vale a pena ler! Deixo, também, um vídeo. Está em inglês, mas prometo que, mesmo sem saber uma palavra desse idioma, você entenderá!


Viver junto faz bem para a saúde!!!

domingo, 9 de março de 2008

Pesquisa sugere que casamento faz bem para a saúde
05 de outubro, 2007 - 10h40 GMT (07h40 Brasília)

O casamento faz bem para a saúde do casal e dos filhos, segundo um levantamento sobre famílias feito pelo Departamento Nacional de Estatísticas do governo britânico divulgado nesta sexta-feira.

O levantamento concluiu que homens solteiros de até 35 anos têm risco de morte 50 % maior do que um homem casado, da mesma idade. No caso das mulheres, as casadas têm menos probabilidade de desenvolver doenças crônicas do que as solteiras.

Os dados mostram ainda que as crianças de pais casados que continuam a viver juntos, permanecem na escola, ou faculdade, por mais tempo - 78% das meninas e 69% dos meninos, em famílias de pais casados, permanecem como estudantes em tempo integral aos 17 anos.

Neste quesito, os filhos de mães solteira vêm em segundo lugar, com 59% dos garotos e 69% das meninas continuando a estudar em tempo integral aos 17 anos.

O estudo, que analisa o período entre 1996 e 2006, mostra que o número de casais que coabitam mas não são casados aumentou em 65% no país, alcançando 2,3 milhões. O número de casais casados caiu 4% no mesmo período, para 12,1 milhões.

O levantamento ainda mostra que, para a saúde das crianças, a estabilidade é a melhor receita. Crianças que vivem com os pais naturais - casados ou não - têm muito menos chances de desenvolver doenças a longo prazo do que filhos de mães e pais solteiros.

O número de casais coabitando é muito mais alto entre os jovens. E, entre 2001 e 2003, 21% das mulheres entre 25 e 29 anos afirmaram já ter coabitado antes dos 25 anos de idade. Esta proporção cai para 1% entre as mais velhas.

Dados da Inglaterra e do País de Gales sugerem que se a tendência continuar, o número de pessoas com menos de 40 anos coabitando vai ultrapassar o número de casados, na mesma faixa etária, até 2014.




* * * * * * *

Viver junto, ao meu ver é uma arte que envolve muito respeito!!! Espero que todo mundo tenha oportunidade de encontrar sua cara metade!!! Bom eu não sei como funcionam os cartórios britânicos, mas aqui no Brasil tenho certeza que os nossos cartórios não gostam do “coabitando” sem registro... por quê??? Porque isso rende uma “graninha” que acaba globalizada!!! Para casar temos que pagar o cartório (igreja), normalmente as mulheres tem que mudar os documentos, além de que a mudança de estado civil às vezes podem envolver alterações em alguns bens, contas correntes e assim vai... Vocês acham que existem aqueles casamentos coletivos gratuitos só porque eles querem ser responsáveis socialmente??? Pode até ser que alguns não estejam vendo só o retorno futuro da ação... Mas não existe boa ação sem segunda intenção... Até quando estamos sendo bons temos a intenção de irmos para o céu!!!

Campanha pela Valorização da Mulher (06)

sábado, 8 de março de 2008

Mulher jovem e solteira corre mais risco de suicídio, diz estudo
01/02/08

Mulheres jovens, solteiras, com menos anos de educação ou dificuldade de controlar impulsos são o grupo mais comum entre as pessoas que pensam em suicidar-se ou tentam o suicídio, revelou uma pesquisa coordenada pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos.

O estudo, o mais amplo já realizado sobre o tema, foi realizado com quase 85 mil entrevistados em 17 países e publicado na edição de fevereiro do British Journal of Psychiatry.

Em média, 9,2% dos entrevistados disseram ter pensado seriamente em suicidar-se e 2,7% afirmaram ter tentado pôr fim à própria vida em algum momento. Das pessoas que pensaram em cometer suicídio, 29% chegaram a tentar, segundo a pesquisa.

“Nossa pesquisa sugere que pensar em suicídio e se comportar como suicida são mais comuns que se pensa. E os principais fatores de risco para esses comportamentos são bastante consistentes em diversos países no mundo”, disse o coordenador do projeto, o professor de Psicologia da Faculdade de Artes e Ciências em Harvard, Matthew Nock.

As estatísticas variaram de país para país – a ocorrência de pensamentos suicidas, por exemplo, ficou entre 3,1% na China e 15,9% na Nova Zelândia – mas os pesquisadores atribuíram esta diferença a “padrões culturais” que podem ter influído na decisão dos entrevistados de manter sigilo sobre as intenções suicidas.



Impulsividade

O estudo revelou que a impulsividade é um fator crucial para diferenciar entre as pessoas que apenas pensam em suicídio e as que de fato tentam levá-lo a cabo.

Das que pensam em acabar com a própria vida, as taxas mais altas de tentativas não foram registradas entre as pessoas com depressão ou outros problemas de variações drásticas de humor, mas sim entre aquelas que abusavam do consumo de drogas ou apresentavam desordem no controle de impulsos.

Os fatores de risco incluíram mulheres jovens – sobretudo adolescentes ou no início da vida adulta –, solteiras, com menos anos de educação formal e dificuldade de controlar seus impulsos.

“Em geral, achamos que os pensamentos e comportamentos suicidas ocorrem mais em pessoas que estão deprimidas. Mas em todos os países, descobrimos que não é apenas a depressão que aumenta o risco de comportamento suicida. Problemas de controle de impulso, de uso de substâncias e de ansiedade estão muito mais associados ao risco de pensamentos e tentativas de suicídio”, disse Nock.

Os dados foram coletados na Nigéria, África do Sul, Colômbia, México, Estados Unidos, Japão, Nova Zelândia, China, Bélgica, França, Alemanha, Itália, Holanda, Espanha, Ucrânia, Israel e Líbano.



* * * * * * *



Tão jovens com tanta coisa para fazer na vida, tanta coisa ainda para aproveitar e já pensando em morrer!!! Parem de assistir TV, leiam mais livros, tomem mais sol, esqueçam as revistas de moda e, como diz um amigo meu, joguem mais basquete (esporte onde na maioria das vezes você tem que levantar a cabeça para acertar a cesta!). Tem tanta gente passando fome, morrendo por doenças sem cura, desejando viver e ainda sorrindo cada vez que acordam pela manhã!!! Mulheres, por favor, gritar pela barata, chorar pela unha quebrada e não saber estacionar ainda passa, mas querer se matar, isso não, mas não mesmo!!!

Dado a bronca é hora de comemorar!!! Hoje é nosso dia \o/ aeee!!! Desejo a todas as mulheres do mundo, alegria, disposição, garra, força, paciência, intuição, e um monte de coisas boas, mais principalmente, e acima de tudo, MUITO AMOR!!!

Que os meios de comunicação não falem de nós só no dia de hoje e que os publicitários não façam campanhas pela mulher uma vez por ano!!! Assim desejo e espero!!! Deixo para vocês o vídeo com a poesia de Carmen Cecília e Carmen Vervloet, Simplesmente Mulher, que é simplesmente linda!!!









Participe!Participe!


Links dos idealizadores da Coletiva: Lys e Meiroca



Posts Relacionados:
Campanha pela Valorização da Mulher (01)
Campanha pela Valorização da Mulher (02)
Campanha pela Valorização da Mulher (03)
Campanha pela Valorização da Mulher (04)
Campanha pela Valorização da Mulher (05)

Campanha pela Valorização da Mulher (05)

sexta-feira, 7 de março de 2008

Casamentos com brasileiros aumentaram 50% em Portugal
Jair Rattner de Lisboa para a BBC Brasil 17 de janeiro, 2008 - 15h56 GMT (13h56 Brasília)


O número de casamentos entre portugueses e imigrantes brasileiros que residem em Portugal aumentou 50% em 2006, segundo dados publicados nesta semana pelo Instituto Nacional de Estatística, de Portugal.

De acordo com esses dados, dos 5.696 casamentos celebrados entre portugueses e estrangeiros naquele ano, 2.197 foram selados com brasileiros e brasileiras (contra 1986 registrados em 2005).

As estatísticas revelam ainda que são mais as brasileiras que se casam com portugueses do que as portuguesas com brasileiros. Em 2006, foram 2.315 casamentos de brasileiras e 602 de brasileiros.

“É sem dúvida um sinal de integração”, considera Gustavo Behr, presidente da Casa do Brasil de Lisboa, a mais antiga associação de imigrantes brasileiros do país. “Mas isso tem a ver também com o perfil do imigrante brasileiro, que é mais jovem, vem para Portugal logo depois de acabar os estudos, enquanto os da Europa Oriental têm mais idade e muitos já são casados.”

Behr considera que os casamentos para conseguir a legalização são uma minoria. “Isso deve ser algo absolutamente residual. Com o casamento consegue-se imediatamente a autorização de residência, mas a lei prevê que seja negada a renovação se o estrangeiro não mantiver o casamento. Um casamento desses não dura muito”.

Outro fenômeno curioso revelado pelas estatísticas é que, enquanto o número de casamentos com os brasileiros crescem, o total de casamentos no país diminuiu.




Maior comunidade

Os brasileiros constituem cerca de um quarto dos estrangeiros no país. Há quase 500 mil imigrantes em Portugal – país que tem 10,4 milhões de habitantes – e a estimativa com que a embaixada do Brasil trabalha é que sejam cerca de 120 mil brasileiros.

O número não é exato porque muitos não estão legalizados (apenas cerca de 80 mil têm a situação regularizada).

A segunda maior comunidade em Portugal é de Cabo Verde, com cerca de 70 mil pessoas, e em terceiro estão os ucranianos, com perto de 65 mil imigrantes.

Na lista dos parceiros preferidos dos portugueses que se casam com estrangeiros, os cabo-verdianos também aparecem em segundo lugar, atrás apenas dos brasileiros, com 249 casamentos.

Em seguida, vêm os angolanos, com 180, os ucranianos, com 171, os romenos, 131, os espanhóis, com 98, os ingleses, com 96, os russos, com 92 e os alemães e franceses, ambos com 63.





* * * * * * *






Então mulheres, solteiras como eu, ainda há uma solução!!! Se os brasileiros não valorizam os portugueses, que só têm fama de bobos de bobos não tem nada, estão preferindo as brasileiras!!! Será que tenho chances???

Bom, amanhã penso nisso!!! Hoje quero continuar na luta contra a violência contra a mulher, é óbvio que existe muitas coisas para escrever sobre nós, salários desiguais, dupla atividade, preconceitos e uma lista de coisas, mas eu preferi bater mais na tecla da violência, do abuso mesmo e espero, sinceramente, que vocês se sensibilizem e passem o recado a diante, conversem mais com seus familiares, ou seja, ajam!!!







Participe!Participe!




Links dos idealizadores da Coletiva: Lys e Meiroca

Campanha pela Valorização da Mulher (04)

quinta-feira, 6 de março de 2008

Mulher 'faz 78% do trabalho doméstico no Brasil'
15 de outubro, 2007 - 14h00 GMT (11h00 Brasília)

As mulheres fazem 78% do trabalho doméstico no Brasil, revelou um estudo de pesquisadores noruegueses.

Em média, uma brasileira dedica 33,5 horas por semana – quase 5 horas diárias – a afazeres como cozinhar e limpar a casa, de acordo com o estudo. Já os homens dedicam pouco mais de 10 horas a tarefas domésticas.

As brasileiras só ficam atrás das chilenas, que gastam 38,3 horas por semana nas tarefas domésticas, contra 9,3 horas gastas por seus pares chilenos.

A pesquisa analisou a realidade de 17,5 mil casais de pessoas entre 25 e 65 anos, casados ou que vivem juntos, e que responderam em 2002 à pesquisa social internacional (ISSP, na sigla em inglês), uma espécie de censo social mundial.

Os pesquisadores da Universidade Stavanger e do Instituto de Sociologia de Bergen, na Noruega, colocaram lado a lado os resultados referentes a 34 países desenvolvidos e em desenvolvimento.

As conclusões foram publicadas na versão online da European Sociological Review.




Razões

Em média, as mulheres desempenham 73% do trabalho doméstico – mas no Japão, essa proporção chega a 91%.

Enquanto as japonesas passam em média 27 horas por semana debruçadas sobre os afazeres da casa, os japoneses gastam apenas 2,5 horas – o equivalente a menos de meia-hora por dia.

O estudo afirma que a quantidade de trabalho feminino é determinada principalmente pelo grau de autonomia dado às mulheres, enquanto o trabalho dos homens varia de acordo com a dinâmica das atividades econômicas.

Os países em que as mulheres menos trabalham em casa são a Noruega (menos de 12h por semana), a Finlândia (12 horas por semana) e a França (12,2 horas por semana).

Mas, entre estes países, os homens franceses são os que trabalham menos – 3,7 horas por semana, acima apenas dos japoneses. A divisão de trabalho na França é parecida com a do Brasil, com as mulheres sendo responsáveis por 77% das responsabilidades do lar.

Na Noruega, os homens trabalham 4,3 horas por semana – deixando para a mulher 73% do tempo dedicado aos trabalhos domésticos. Já na Finlândia, os homens passam quase 6 horas com essas atividades – 67% do tempo gasto pelo casal.

Os países onde a relação é mais balanceada (em todos a mulher responde por 64% do tempo gasto) são a Letônia (18,5 horas para mulheres, 11 horas para os homens), Polônia (20 horas para as mulheres, 12 horas para os homens) e Filipinas (24 horas para as mulheres, 13 horas para os homens).





* * * * * * *






O Japão foi cortado dos países em que eu gostaria de morar. “Deusulivre” ter que fazer tudo sozinha em casa, criança e ainda ter que trabalhar fora!!! Mas em nosso país não tá tão bom assim, não!!! Fiquei refletindo, ele gastam 10 horas por semana, ou seja, mais ou menos 1h30 por dia!!! Esse tempo só me lembra uma coisa... Partida de futebol!!! Vai ver, eles acham que assistir o jogo sem atrapalharem o serviço que a gente está fazendo é uma forma de ajudar!!! Homens, está na hora de vocês melhorarem esses números. O tempo da escravidão já passou!!! Mulheres, libertem-se!!! Balde e esfregão para os machões, já!!!







Participe!Participe!




Links dos idealizadores da Coletiva: Lys e Meiroca

Campanha pela Valorização da Mulher (03)

quarta-feira, 5 de março de 2008

Pesquisa indica que 15% dos belgas sofreram abuso sexual
06 de abril, 2006 - 20h27 GMT (17h27 Brasília) - Márcia Bizzotto de Bruxelas


Cerca de 15% da população da Bélgica afirma ter sofrido algum tipo de abuso sexual, a maioria quando era menor de 16 anos, indicou um levantamento da organização de defesa dos consumidores Euroconsumer sobre os hábitos sexuais em quatro países europeus.

Em 80% dos casos reportados a vítima foi uma mulher e o agressor foi um homem com alguma relação de proximidade, em geral um ex-parceiro, tio ou primo, diz a pesquisa, cujos resultados foram destacados na última edição da revista Test Santé.

O levantamento também incluiu Portugal, Espanha e Itália e foi feito em parceria com a Associação Portuguesa de Sexologia.

A Bélgica foi o país com mais casos de violência sexual, mas os outros não ficaram muito atrás. Em Portugal, 10% da população admite ter sido vítima de abusos, dos quais 6% antes de completar 16 anos. Entre os espanhóis, 11% sofreram algum tipo de violência sexual, sendo que 6% quando era menor de 13 anos.

Para o psicoterapeuta português Osvaldo Santos, responsável pela elaboração da pesquisa, os números “mostram que este problema não é pouco freqüente, como se pode pensar”.

“Já tive inúmeros pacientes que se referiram a episódios sexuais indesejados durante a infância ou adolescência que, na maior parte das vezes, nunca tinham contado a ninguém”, afirmou.


Respostas anônimas

Santos ressalta que muitas vítimas de abuso sexual nunca chegam a prestar denúncia por vergonha ou por medo e “tendem a minimizar a importância desses episódios”. Por isso o estudo de Euroconsumers utilizou questionários respondidos anonimamente e enviados pelo correio.

Na Bélgica foram entrevistadas 1,5 mil pessoas, um número que, de acordo com o Ministério de Assuntos Sociais e Saúde Pública, “é suficiente para elaborar uma estatística realista em um país com 10,3 milhões de habitantes”.

“Não dispomos de dados nacionais sobre o abuso sexual, então não podemos confrontar essas estatísticas. Mas o estudo (de Euroconsumers) é confiável. Sabemos que o número é bastante alto no país”, afirmou à BBC o porta-voz do Ministério, Karim Ibouki.

Para remediar o problema, no ano passado as autoridades belgas distribuíram a médicos e assistentes sociais um guia com recomendações sobre como tratar vítimas de abusos sexuais, em uma campanha cujo resultado ainda não pode ser medido.

Na região de Flandres, única que possui um levantamento sobre abusos sexuais, a estatística oficial de 2004 confirma o resultado publicado por Euroconsumers.




* * * * * * *



O artigo é de 2006, mas essa realidade continua a nos seguir. Não é só na Bélgica que acontece, não é só na Europa!!! A violência contra a mulher acontece no mundo inteiro!!! “Muitas vítimas de abuso sexual nunca chegam a prestar denúncia por vergonha ou por medo e tendem a minimizar a importância desses episódios”!!! Como já disse em outro post, temos que ficar atentos e ajudar as vítimas de forma que isso não se repita!!! Mulheres, não deixem de buscar apoio familiar, em pleno século XXI esse é um assunto que não é mais tolerado e se o governo não resolve criando penas mais severas aos agressores, pelo menos você, resolva que não vai mais se sujeitar a essa situação. Aliás, gostaria de notícias sobre o Projeto de Lei n.° 037/2006, será que foi mais desejo feminino que ficou no papel??? Quem souber me avisa (obrigada)!!!







Participe!Participe!


Links dos idealizadores da Coletiva: Lys e Meiroca

Um post para Blogueiros!!!

terça-feira, 4 de março de 2008



Bom, fui convidada pelo Sampson do InovaVOX a participar da competição BlogIsso!Blogs... o que é isso??? Parece que deu a louca nos gerentes e eles resolveram presentear o pessoal da Blogosfera com dois layouts exclusivos, duas logomarcas e duas instalações do WordPress hospedadas no servidor deles!!! É além de ganhar o layout o blog ganhador passa a fazer parte da rede BlogIsso!Blogs!!! Não é bacana??? Então, clica aqui e lê o regulamento, é rapidinho!!!

E por que estou te contando para vocês ao invés de guardar essa informação em segredo comigo??? Primeiro, porque achei muito bacana essa iniciativa que vai contar com os layouts feitos pelo Sampson!!! Show de bola!!! Segundo, e creio que mais importante, é que não acho que meus blogs tenham o perfil que a rede busca!!! Vou explicar!!!

Apesar de um dos meus blogs estar com um ano de estrada, Este ou Aquele?, eu não entendo nada de html, não sei direito mexer no corel, não consegui nem fazer um banner, só outro dia descobri como riscar as palavrinhas, não entendo nada dessa parte de servidor, domínio e por ai vai!!!

Em Este ou Aquele? comento pesquisas, artigos e assuntos relacionados a área de estatística/pesquisa, ou seja, um assunto muito específico e que só chama a atenção de quem gosta da área. Não tenho mais de 100 visitas por dia (fonte: analytics).

Eu, Eu Mesma e Tine é um blog com pouco mais de 2 meses, onde coloco pensamentos e coisas que acho legal pela net. Nada muito impactante. Minhas visitas não passam de 50 por dia (fonte: analytics).

E o Não é Spam!!! eu nem conto, ele é meu arquivo particular de e-mails!!! Coloco lá o que eu gostei de forma que fique mais fácil achar lá do que na minha máquina em casa. Ainda não passei de 10 visitas diárias (fonte: analitycs).

Resumindo eu não sou Blogueira!!! Eu sou alguém que gosta de blogar, mas que faz o que o blogger proporciona de forma prática (sou mais uma usuária). Como trabalho o dia inteiro e só no período da noite me dedico a meus blogs e, ainda, gosto de ficar visitando outros blogs (é um vício visitar os amigos!) o tempo acaba ficando curto para me dedicar a um estudo auto-didata de html, por exemplo.

De maneira alguma acho que meus blogs não sejam bons, a cada dia que passa procuro melhorá-los cada vez mais!!! Espero que fique claro isso!!! EU AMO MEUS BLOGs!!! Apenas acho que não tem perfil para uma rede, pois juntado os 3 não tenho nem 200 visitas diárias (se Deus quiser chego lá!) e são as visitas que sustentam/mantém uma rede/blog!!! Não posso deixar de pensar em viabilidade, não me sentiria bem tentando esconder esse fato!!!

Por isso, cheguei a conclusão, que é melhor apenas divulgar essa promoção, principalmente, porque tenho consciência que têm muitos blogs bons por aqui, só esperando essa chance!!!


[Update: Depois de um longa conversa com um dos gerentes me explicando que as coisas não eram bem assim e que eles não estavam atrás de visitas e sim de qualidade nas blogagens, resolvi fazer a inscrição!!! Também não posso me negar a possibilidade de tentar (pensei)... o máximo que vai acontecer é eu não ganhar!!! Então se vocês acham bacana o Este ou Aquele? fazer parte de uma rede, quando houver a escolha pelo público, votem nesse Blog!!!]



Vou falar um pouco sobre as feras com quem vocês terão a chance de “blogar” junto e tenho certeza que depois de saber um pouquinho de cada um você, também, vai querer fazer parte da rede BlogIsso!Blogs.

BlogueIsso!Blogs
O BlogueIsso! é um condomínio de blogs sobre diversos assuntos. Atualmente, a rede é formada por 17 sites (que vou falar aqui). É gerenciado por Leonardo Fontes e Sampson Moreira, que querendo algo mais que apenas os próprios blogs decidiram que reunir em uma comunidade um bom grupo de pessoas poderia ser um passo à frente rumo à melhoria de qualidade da blogosfera brasileira. (fonte)


Afinidades Eletivas
De Ilo Aguiar, estudante de Jornalismo e de Ciências Sociais que gostaria mesmo de trabalhar com Cinema. Pelo que entendi escreve, também, para Portal Verdes Mares e Zona Cyber. (fonte)


Bang!
Três jornalistas cearenses - Ívila Bessa, Juliana Colares e Leonardo Fontes - colocam em pauta o bacana e o bizarro do pop media. Tem música, cinema, tevê e afins. O olhar varia: vai do sarcasmo à seriedade. Bang! é também é um espaço onde compartilham descobertas e mapeamento das tendências. (fonte)


Coió Online
Um blog de Fortaleza que abrange todos os assuntos que você imaginar!!!


Blog do Norton
Aqui você encontrará política, economia e um humor pontual que “cutuca” feridas!!!


Eletrocactus
Blog da banda cearense Eletrocactus, além de informações sobre a banda você encontra links para artistas do estado.


Flows
Como o preço do analista está pela hora da morte, a ruiva, Lucy desabafa e inventa um novo blog para emitir opiniões categóricas sobre assuntos irrelevantes do dia-a-dia e como método de fuga de suas verdadeiras obrigações. (fonte)


InovaVOX
Um blog que não tem um foco definido!!! Mas já na entrada você tem o aviso: “Eu não sei se esse blog é de humor!!!” Na verdade, trata das impressões de Sampson sobre o mundo digital e real!!!

Sim, estou falando de Sampson, o cara que é um dos gerentes do BlogueIsso!Blogs e que também é o criador do álbum mais querido da Blogosfera: o Blogurinhas!!!

Sem falar que ele é o cara que desenvolveu os layouts:
Oito Passos - 02/03/08
Sleek Blog - 29/02/08
BlogueIsso!Blogs - 19/02/08
Smokingpot - 17/02/08
Boombust - 10/02/08
BlogueIsso!Blogs - 31/01/08 (antes de virar rede)
Receita do Sucesso - 25/01/08
EitaPreula! - 11/01/08
InovaVOX - 19/11/07 (é claro que ele fez o dele mesmo, né?)

O próximo na fila será o seu layout!!! É sério!!! Sampson é quem desenvolverá os layouts dos ganhadores!!! Tenho certeza que depois que você conferir o trabalho realizado vai querer um layout dele!!! Ah... e promete para mim que se você ganhar vai pedir contador de comentários??? Eu adoro isso!!! hehehe essa é a melhor invenção de todas!!!


Meu Papagaio
Direto do Sergipe, todos os assuntos que você possa imaginar, tudo com muito humor!!! Comandado por Antonio Carlos Lima, quem??? É ele mesmo!!! O cara que criou o BlogAtlas!!! Acho que isso já diz tudo, né???


Microfonado
Uma viagem pelos sons. Música das ruas, dos edifícios, da clausura, dos estúdios. Uma coleta de barulhos reais e ruídos imaginários. Um microfone na mão e idéia nenhuma na cabeça. O blog é de Wesdley Vasconcelos, músico, funcionário público, com formação em jornalismo, baixista da banda Eletrocactus. (fonte)


Mr. Celofane
Você encontrará música, poesia e muita prosa ao visitar Mr. Celofane!!! Um dos posts tinha 34 comentários!!! Você tem dúvidas de que é bom??? Eu não!!!


Mulher de Blogueiro
É o blog da Éryka, esposa do Sampson!!! Ela conta histórias divertidíssimas sobre seu dia-a-dia hehehe e isso inclui o Sampson!!! Então já viu... são risos na certa!!!


Pebol
Blog de Luís Carlos Freitas, jornalista do Diário do Nordeste, onde é um dos responsáveis pela elaboração da capa do jornal. O interesse por futebol vem dos tempos em que trabalhou no caderno Jogada, logo no começo de sua carreira. (fonte) http://pebol.blogueisso.com/about/


Prensa 3.0
Do, também, gerente do BlogueIsso!Blogs, ele fala da mídia impressa na versão virtual!!! Textos, realmente, reflexivos!!!


re:bacana
Blog onde Rafael Rodrigues recorta fragmentos da cultura pop e os refunde (uma coisa meio DN de ser) em algo pessoal e intransferível (olha a ambição!). Muito Divertido!!! (fonte)


Segundo Clichê
Escrito pela jornalista Emanuela França, que procura mostrar e comentar em seus posts cenas do cotidiano, sem se restringir a uma única temática. (fonte)


Silenzio, No Hay Banda
Nesse blog você encontrará posts sobre cinema, literatura, música, fotografia e percepções cotidianas.


Sobretudo
Um blog para refletir e opinar. Conta com Luiz Carlos de Carvalho, Marcus Sá e Roberto Maciel.

Acho que já deu para ter idéia do que é a rede BlogIsso!Blogs!!!

Então leia o regulamento => aqui e depois preencha a ficha de inscrição => aqui e pronto!!! Só aguardar pelo resultado!!! Torcerei por você e pela rede BlogIsso!Blogs!!!


=> Bom, Sampson, espero que esse post ajude na divulgação. Caso alguma descrição não esteja correta, por gentileza, avisar por comentário que arrumarei (update). Colocarei o mesmo post nos três blogs que tenho!!! Grande abraço e sucesso nesse novo desafio!!!


Campanha pela Valorização da Mulher (02)

Apenas 23% dos britânicos 'dividem tarefas domésticas'
23 de janeiro, 2008 - 10h21 GMT (08h21 Brasília)

Uma pesquisa sobre o comportamento dos britânicos publicada nesta quarta-feira, indica que apenas 23% dos casais dividem as tarefas domésticas na Grã-Bretanha.

Apesar disso, a sondagem, que entrevistou 3 mil pessoas, aponta que mais de 90% dos homens rejeita a idéia de que as mulheres devem ser responsáveis apenas pelo trabalho de casa, mas 54% confirmaram que as esposas são as responsáveis pelas tarefas domésticas em suas casas.

Entre os entrevistados, apenas 17% acreditam que ganhar dinheiro é tarefa masculina - uma diminuição de 15 pontos percentuais em comparação com 1984.

O relatório British Social Attitudes 2007 (BSA, na sigla em inglês), conduzido pelo instituto de pesquisas britânico NatCen serve de base para a criação de políticas governamentais na Grã-Bretanha.



Casamento

O estudo sugere ainda que as atitudes sobre o sexo estão mais liberais, mas o casamento continua sendo visto como uma instituição importante entre os britânicos.

Os dados indicam que 70% dos adultos acreditam que o sexo antes do casamento não é um problema, um aumento de 22 pontos percentuais em comparação com 1984.

Mais da metade dos entrevistados afirmou que a coabitação demonstra o mesmo compromisso que o casamento. Além disso, 50% afirmou que casais que vivem juntos, independente da formalização, deveriam ter os mesmos direitos que aqueles com status legal.

"O casal heterossexual casado já não é mais a regra que prevalece", disse Simon Duncan, um dos autores do relatório.

"No entanto, as visões se tornam bem mais tradicionais quando há crianças envolvidas", afirmou.

Entre os entrevistados, cerca de 30% acredita que os casados são melhores pais que os casais separados. Além disso, menos de um terço dos participantes acredita que casais homossexuais educam as crianças tão bem quanto os casais héteros.

O relatório mostra também que a importância da unidade familiar é tão significativa que 30% dos participantes afirmou as leis do divórcio deveriam ser mais rigorosas no país.




* * * * * * *




Se os homens rejeitam a idéia de que as mulheres têm que fazer sozinha o serviço doméstico, por que eles não realizam mais por livre e espontânea vontade? Mulheres, se vocês acharam péssimos os números da Grã-Bretanha esperem para ver os números brasileiros (06/03). Depois do vídeo você poderá ver as principais dicas/serviços prestados pela Delegacia da Mulher.









Os principais casos atendidos na Delegacia de Defesa da Mulher:

Lesão Corporal: casos de espancamento, socos, bofetões, pontapés, e uso de objetos contundentes (facas, tesouras etc).

Estupro: relação sexual forçada por meio de violência ou ameaça (relações sexuais forçadas entre: marido e mulher; com deficiente mental; menores de 14 anos também são consideradas estupro).

Atentado violento ao pudor: contato íntimo forçado, sem relação sexual.

Rapto: condução a força ou sobre ameaça para algum local com a intenção de ter contato íntimo, sem completar uma relação sexual.

Ameaça: intimidação, através de palavras ou gestos, indicando a intenção de fazer algum mal.

Calúnia: falsa acusação

Difamação: ofensa contra a honra, na presença de outras pessoas.

Injúria: ofensa, sem a presença de testemunhas.

A delegacia também atua em casos de separação de casais, pensão alimentícia, partilha de bens e busca de filhos.


É importante saber que:

A delegada não pode arquivar o inquérito. Ou seja, ela não pode interromper a investigação que já foi iniciada através do Boletim de Ocorrência. Só o juiz pode mandar arquivar o inquérito policial.

O acusado tem sempre o direito de ser defendido por um advogado. O Estado tem a obrigação de fornecer um advogado aos acusados sem recursos.

Nos casos de violência sexual (estupro, sedução, atentado violento ao pudor, rapto), a delegada orientará a vítima a pedir a punição do agressor (queixa-crime). O prazo para fazer esse pedido é de 6 meses. Sem o pedido, o agressor não poderá ser punido pela lei.

Geralmente, as vítimas de violência sexual sentem-se envergonhadas ou com medo de denunciar o agressor. Para evitar constrangimento, a vítima tem o direito de pedir ao juiz para realizar as audiências do processo a portas fechadas, protegendo, assim, a sua intimidade.

Procure logo a Delegacia. Tudo o que você disser pode ser importante para denunciar a violência que você sofreu processar o seu agressor. Não deixe o tempo passar!!!




Participe!Participe!


Links dos idealizadores da Coletiva: Lys e Meiroca

Campanha pela Valorização da Mulher (01)

segunda-feira, 3 de março de 2008

20% das mulheres dizem ter sofrido abuso sexual antes dos 15
08 de março, 2007 - 12h16 GMT (09h16 Brasília)

Uma em cinco mulheres no mundo diz ter sofrido abuso sexual antes dos 15 anos de idade, alertou nesta quinta-feira a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em pronunciamento pelo Dia Internacional da Mulher, a diretora da OMS, Margaret Chan, disse que a data deveria servir para "pôr fim à impunidade" contra as mulheres e meninas.

"Sabemos que a violência doméstica é a principal forma de violência contra a mulher, muito mais freqüente que as agressões por desconhecidos", ela declarou.

"A violência física e sexual por parte do parceiro tem conseqüências terríveis para a saúde da mulher."

A diretora da OMS afirmou que as más condições de trabalho reservadas ao sexo feminino, a pobreza e a discriminação trazem riscos para as mulheres.

A cada ano, mais de meio milhão de mulheres morre por complicações no parto – um número que está estagnado há 20 anos, afirmou Margaret Chan.

Além disso, no ano passado, as mulheres foram 74% das pessoas infectadas pelo vírus HIV na África subsaariana.

"A pobreza é responsável pela maior parte das mortes por causas evitáveis. Às vezes a situação se vê complicada por normas sociais que impedem a igualdade de oportunidades e a liberdade de manifestação", disse Chan.

"(As mulheres) são a coluna vertebral de todas as nossas sociedades: como líderes, como responsáveis pela família e como mães. Investir na mulher e em sua saúde é investir no progresso da humanidade."




* * * * * * *





Bom, sempre que posso trago artigos relacionados à mulher e sua saúde, afinal esse blog é administrado por uma mulher (eu!). Mas essa semana, dedicarei os artigos à valorização da mulher em homenagem ao seu dia (08/03). É incrível como o ser humano trata um assunto de cada vez e coloca datas para comentar sobre cada um!!! Um dia para pensar nos idosos, um dia para pensar nas crianças, nos pais, nas mães e um dia para pensar nas mulheres!!! Homem não tem dia porque se acham auto-suficientes!!! (hehehe vocês não acharam que eu ia dizer que todos os outros dias são dos homens!!!)

O fato é que aquecemos o assunto, debatemos e depois passamos para o próximo, que eu acho que é a Páscoa!!! A violência contra a mulher não começou ontem e nem vai terminar depois que você acabar de ler este post. O que eu desejo então??? Desejo que você não fique omisso ao assunto, não é só divulgar, tem que agir!!! Quem já não teve um amigo que disse que deu uma “surra” na esposa??? Quem nunca teve uma amiga vítima de violência doméstica??? Normalmente, a mulher tem medo de denunciar!!! Por isso, temos que ficar atentos e buscarmos ajudá-las no que for necessário de forma que o ato não se repita!!! Bom, não quero me estender, discutiremos sobre esse assunto no decorrer dessa semana.

Assistam esse o vídeo que encontrei no InovaVOX e que mostra muitas das mentiras utilizadas pelas mulheres para proteger seu agressor.









Participe!Participe!



Links dos idealizadores da Coletiva: Lys e Meiroca

Campanha Conta o Plágio Sim!!! Ser feita de idiota não!!!

sábado, 1 de março de 2008

Sempre fui muito calma na Blogosfera (EU ADORO ESSE TERMO!!!), mas agora meu sangue, realmente, ferveu!!!


UPDATE: A pedido da Áurea estou retirando uma imagem onde uma pessoa dizia não gostar do termo BLOGOSFERA. Seu pedido pode ser visto nos comentários deste post.


Fui convidada para uma campanha contra o plágio!!! Mais me enrolei para aderir!!!



No dia que resolvi postar sobre o assunto (23/02/08), vi que o Rodrigo (MEU AMIGO) do Inexistent Man tinha criado uma campanha também, o que fiz??? Juntei as duas em uma só!!!



Depois que postei passei o link para ele (Rodrigo) e ele começou a entender porque os comentários em seu post estavam sendo maldosos!!! Descobrimos que existia um post que o acusava de plágio!!!



Ficamos sem saber o que fazer e eu procurei o dono do blog acima para resolvermos a situação em nome do Rodrigo que estava muito nervoso com a acusação!!! Sim, realmente falamos por msn!!! (EU NÃO VOU DIVULGAR A CONVERSA E MUITO MENOS PASSÁ-LA POR E-MAIL, PORQUE NÃO TENHO AUTORIZAÇÃO PARA ISSO NEM INTERESSE DE USAR A PESSOA PARA ME DEFENDER). Mas o fato é que tanto ele (Rodrigo) como eu fizemos o que esse blogueiro pediu (retirada da campanha do Rodrigo) e ainda convidamos mais blogueiros para participar!!!



Eu acreditei na campanha e na pessoa que falava comigo!!! Até que um amigo resolveu abrir meus olhos!!! (TG, realmente fui muito ingênua, perdão!!!)

Para ver os textos do TG no Ela ta dê Xico!
TG responde
Um breve texto sobre a umbigosfera

Bem, depois disso me senti pressionada por um post e uma resposta de e-mail que constava a frase: “E infelizmente seu nome não poderá ser preservado”!!! Pois, é sou a tal terceira pessoa da história!!!



Depois disso me calei!!! Aguardando a poeira abaixar e essa campanha acabar de vez!!!

Hoje, Rodrigo me passou o seguinte link:
Mais um pouco sobre o plágio...

Onde faz uma grande revelação sobre essa pessoa em que eu confiei!!!

POR FAVOR OLHEM O TEXTO DE J.NORONHA!!!
Só assim vocês vão entender o meu sentimento de decepção!!!

Campanha Pela Revogação da Lei da Gravidade



Assim como eu, outras pessoas confiaram nele, lutaram por ele!!! Ao mesmo tempo em que me sinto aliviada, sinto uma grande tristeza!!! Mas isso não vai fazer com que eu perca a fé nas pessoas!!!

Espero que cumpra sua promessa!!!



Veja o post completo da promessa clicando aqui!!!

Como eu já disse uma vez por e-mail:

“Entre uma campanha e meus amigos, eu escolho meus amigos!!!”

E é por isso, que registro aqui que nenhum de meus blogs apoiará mais essa campanha!!!
Obrigada pela atenção de todos e façam o que o coração de vocês achar melhor!!!

Não peço seguidores, peço apenas justiça!!!


UPDATE:
O comentário de Sandra Pontes
Ela tá de Xico!
Treta
Bobagento
A Campanha Contra Plágio Que Plagiou A Campanha Contra Plágio
Fim do Blog Leia-me