Disfunção Erétil = Impotência Sexual

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Brasileiras 'são as que mais reclamam' de impotência masculina
07 de agosto, 2007 - 13h01 GMT (10h01 Brasília)

As mulheres brasileiras são as que se sentem mais prejudicadas pela impotência sexual masculina, segundo revelou uma pesquisa realizada pela farmacêutica Bayer Healthcare.

O estudo Sexo e a Mulher Moderna investigou como as mulheres se sentem em relação às suas vidas sexuais e explorou o impacto da disfunção sexual masculina nos relacionamentos.

No Brasil, 45% das entrevistadas disseram se sentir prejudicadas quando o parceiro sofre de dificuldade de ereção.

Na América Latina esse percentual é de 37% e na Europa, de 23%. As britânicas são as que menos se sentem afetadas pela impotência sexual masculina.

A pesquisa, que ouviu 14 mil mulheres de 14 países, identificou o novo perfil sexual da mulher moderna: a "mulher vitassexual".

"Acima dos 40 anos e dona de si mesma, a mulher vitassexual considera o sexo fundamental, quer espontaneidade na vida sexual, mais diálogo e acredita na importância da satisfação do parceiro", explicam os pesquisadores.

Pouco mais da metade das brasileiras (51%) também disse que gostaria de ter uma vida sexual melhor. As italianas (18%) foram as que menos reclamaram da vida sexual no último ano.

Pilar do relacionamento

Em números gerais, o estudo revela que, nos casais que convivem com disfunção erétil, 52% das mulheres manifestaram o desejo de melhorar a vida sexual.

"Mais que desejar uma vida sexual ativa e de qualidade, essas mulheres demonstram pensamento similar ao do homem, pois classificam o sexo como um dos mais importantes pilares do relacionamento", disse o pesquisador e sexólogo John Dean.

O estudo também avaliou o tamanho da importância do sexo na vida das mulheres. As coreanas (94%) são as que mais acreditam que o sexo tem grande importância, seguidas pelas sauditas (86%).

O Brasil aparece na décima posição, com 72% das entrevistadas dizendo que o sexo tem grande valor em suas vidas.



* * * * * * *

A primeira frase do livro “O Pênis” de Brian Richards diz: “Se pedíssemos a alguém para dizer qual a coisa mais importante do mundo, e em toda a sua história, a resposta com toda certeza seria: o pênis”. (tenho esse livro e recomendo a leitura para homens e mulheres – aqui achei vários). Dessa forma ele é a coisa mais importante para o homem em toda sua existência, e é por isso, que nenhum deles se conforma em viver esse tipo de situação! Como toda doença, pode-se evitar ou minimizar seu surgimento com práticas simples como: parar de fumar e se alimentar de forma saudável. O “stress” também é um grande vilão, exercícios são bons para combatê-lo. Caso você viva essa situação, nunca deixe de ser franco com sua companheira, tentem resolver juntos e, é claro, busquem ajuda médica e psicológica.

Pesquisa no Rio de Janeiro, divulgada na TV.


Esse vídeo está em espanhol, mas explica bem a impotência sexual, vale a pena ver.


1 Observações:

Wallace disse...

Tine, sempre "polêmeca" rs... e qual é sua opinião sobre o assunto? hehehehe