Ser fofinho não é tão ruim assim...

quinta-feira, 19 de abril de 2007

'Gordinhos' vivem mais do que os magros demais, diz pesquisa
21 de abril, 2005 - 14h34 GMT (11h34 Brasília)


Pessoas ligeiramente acima do peso tenderiam a viver mais do que quem é obeso ou está abaixo do peso normal, segundo uma pesquisa publicada na revista científica Journal of American Medical Association.

O estudo feito pelo Centro Americano de Controle de Doenças analisou dados de três pesquisas americanas sobre saúde e nutrição realizadas nos anos de 1970s, 1980s e 1990s.

Os pesquisadores utilizaram o índice de massa corpórea (IMC), que é o peso dividido pela altura ao quadrado. A faixa de IMC de pessoas normais vai de 18,5 a 25, sendo que um índice acima de 30 caracteriza obesidade.

Eles descobriram que pessoas com o IMC acima de 25, mas abaixo de 30, não teriam uma expectativa de vida menor.

Obesidade ruim

A maior expectativa de vida foi encontrada em pessoas com IMC de 25, na fronteira entre o peso ideal e estar acima do peso.

Outra descoberta do estudo foi que o risco de morte ligado à obesidade diminuiu ao longo das décadas.

Eles dizem que isso acontece porque as pessoas vêm adotando um estilo de vida mais saudável e contando com melhores recursos da medicina.

Especialistas, entretanto, afirmam que o estudo apenas levou em conta a expectativa de vida das pessoas e não doenças relacionadas com excesso de peso.

"Não existe a menor dúvida de que ser obeso é ruim para você", diz William Cochran, nutricionista do Sistema de Saúde Geisinger, na Pensilvânia, Estados Unidos.
Nem obeso, nem magrelo... o negócio é ser fofinho!!! Já me sinto melhor com os meus quilinhos a mais... Mas com a saúde não se deve brincar. Cuide de você!!! A hora de ser feliz é agora!!! Dúvidas sobre o seu IMC - Índice de Massa Corporal - clique aqui e cuide do que lhe é o bem mais precioso... A VIDA!!!

0 Observações: